O que é a folha de uma esquadria?

A folha de uma esquadria é a superfície principal da estrutura. Quando uma esquadria se abre em duas abas, por exemplo, significa que possuímos duas folhas. A folha da esquadria pode oferecer abertura interna e externa para facilitar a limpeza e aprimorar fatores como estanqueidade do local. Destacamos que a esquadria pode ser formada por diversas folhas que podem ser móveis, fixas, envidraçadas ou não, com ou sem ventilação. Veja com mais detalhes o que é a folha de uma esquadria no texto a seguir.

O que é uma esquadria?

Para entender o que á folha de uma esquadria precisamos compreender, primeiramente, o que é e como funciona uma esquadria. Tecnicamente, as esquadrias são as armações que possibilitam o fechamento de vãos diversos, dando vida a estruturas como portas e janelas, por exemplo. Tecnicamente, é uma estrutura de vedação vertical empregado para fechar aberturas e permitir o controle de passagens de agentes diversos – como poeira, intempéries, pessoas, etc.

Para possibilitar esse controle de agentes é preciso recorrer aos caixilhos, que são elementos fixos ou móveis onde serão acomodados materiais como vidro, madeira, persianas ou outro tipo de chapa para fechar o vão – e então o grupo passa a ser denominado de folha. Para tentar resumir o que é a folha de uma esquadria, trata-se do conjunto formado pelas chapas e caixilhos que se encaixam no marco (uma das partes que compõe a esquadria) para fechar vãos diversos.

O que é folha da esquadria

Dando continuidade ao nosso artigo sobre o que a folha de uma esquadria, destacamos que é muito importante que a escolha da quantidade de folhas da esquadria seja realizado de modo consciente. Isso acontece porque a folha da esquadria determina, por exemplo, o modo de abertura da estrutura (geralmente através de movimentos de translação, rotação ou combinados). Veja alguns exemplos populares que ajudarão a compreender o que é a folha de uma esquadria:

- Janela veneziana: Popular, as venezianas costumam ser compostas por 06 folhas variando entre móveis e fixas. As folhas da parte interna costumam ser preenchidas com vidro para permitir a entrada de luz natural.

- Janela Guilhotina: Mais presente em edificações antigas, uma característica da janela guilhotina é possuir folhas que deslizam verticalmente, uma sobre a outra. Apesar de estar em desuso, esse modelo permite melhor controle de ventilação quando comparado com janelas de abrir ou correr.

- Portas sanfonadas: Outro exemplo clássico que auxilia a entender o que é a folha de uma esquadria, a porta sanfonada – ou porta camarão - pode ter inúmeras folhas, que se dobram e acomodam entre si para permitir abertura quase total do vão.

Quando for o caso, a colocação de vidros nas folhas deve ser realizado por profissionais experientes. Isso acontece porque esses profissionais observarão fatores como a necessidade de folgas para evitar concentração de tensões, adequação da esquadria às normas da ABNT, instalação adequada para garantir estanqueidade, segurança, durabilidade, etc. Esperamos que tenha entendido o que é a folha de uma esquadria e, em caso de dúvidas, mantenha contato com um colaborador da SEV Exclusivv!

FAQ – Perguntas e Respostas

Como as esquadrias podem ser classificadas quanto a sua função?

A esquadria é classificada quanto a sua função quanto nos referimos a uma determinada estrutura considerando a sua funcionalidade/aplicação, como é o caso, por exemplo, das portas, janelas, alçapões, cobogós, grades, portões, etc.

Quais os elementos que constituem uma esquadria?

Os elementos que constituem uma esquadria são o contramarco - que prepara o local para receber a esquadria; o marco, que se trata da estrutura externa onde será acomodada a folha da esquadria/caixilho; e o próprio caixilho/folha, que fica responsável por fechar o vão.

Quais são as partes constituintes das esquadrias janelas e portas?

As partes que constituem as esquadrias de portas e janelas são o contramarco, marco e o caixilho (folha da esquadria). De maneira resumida, a folha e o caixilho formam um conjunto que será acomodado no marco; e o contramarco vai chumbado no contorno do vão.

   
"
O mercado vidreiro no Brasil é desorganizado, isso contribui para que o vidro não esteja na evidência merecida. Um dos motivos da nossa fusão anos atrás foi para isso, estrategicamente unimos o know-how de consultoria, projetos e execução, podendo de fato atender em escala as altas exigências de incorporadoras alto padrão e arquitetos
"

Daniel Estrela

CEO da SEV Exclusivv.