Onde devo colocar o espelho na sala?

Onde devo colocar o espelho na sala? - Os benefícios do espelho podem ser aproveitados de diversas formas na sala. As principais utilidades de um espelho para sala consiste em trazer amplitude ao espaço, aprimorar a oferta de luz ou contribuir com a estética do local. Dessa forma, o espelho pode ser colocado em paredes, em revestimento de móveis, na criação de divisórias de ambientes ou ser aplicado de forma decorativa, por exemplo. Veja algumas formas de usar espelhos para valorizar o ambiente no texto abaixo.

Formas de usar espelho na sala

Para iniciar nosso artigo sobre ‘onde devo colocar o espelho na sala’, é importante compreender quais as propriedades e principais benefícios que os espelhos podem proporcionar aos locais. Isso acontece porque o espelho oferece funções distintas, como é o caso, por exemplo, a de proporcionar amplitude visual e permitir a manipulação de focos de luz. Por isso, para decidir onde instalar o espelho na sala, precisamos definir quais as necessidades do ambiente.

Ainda falando sobre onde devo colocar o espelho na sala, se o local for pequeno, acomodar um espelho envolvendo toda uma parede pode trazer a sensação de que o espaço dobrou de tamanho! Já se a intenção é aprimorar a iluminação do ambiente é possível instalar espelhos em locais estratégicos e irradiar focos de luz e iluminar locais mais escuros; ou, se for o caso, diminuir a iluminação da sala para criar espaços mais aconchegantes - cenário possível com o uso de espelhos bronze e/ou fumê.

É possível ainda utilizar o espelho para:

- Duplicar uma paisagem, escultura ou imagem;

- Integrar ambientes da casa;

- Trazer um cenário externo para o ambiente;

- Esconder – funcionalmente - colunas e outras estruturas;

Definida a necessidade fica mais simples entender onde devo colocar o espelho na sala. Veja algumas dicas:

- Espelho na sala de jantar: Muito utilizado atrás da mesa de jantar ou na parede do buffet

- Espelho na entrada da sala: Experimente acomodar o espelho no alto da parede, com uma leve inclinação na parte superior e veja a magia acontecer.

- Revestimento de móveis: Revestir mesas, mesinhas de centro, estantes e outros móveis trazem um charme funcional para a sala.

- Integrar ambientes: Instalar um espelho na parede contrária a uma porta ou janela permite trazer o cenário exterior para dentro da sala.

Aqui vai mais dica sobre onde devo colocar o espelho na sala. Evite, por exemplo, instalar o espelho em locais que refletirão cenários desagradáveis ou que invada a intimidade das pessoas, como nas paredes próximas a banheiros, etc.

Espelho na sala de tv: Na sala de TV cogite instalar um espelho na parede do sofá. Alguns profissionais evitam acomodar um espelho na parede da TV – para não tirar a atenção de quem assiste; e até mesmo na parede contrária, para não causar confusão visual.

Para finalizar nosso artigo sobre onde devo colocar o espelho na sala, lembramos que a SEV Exclusivv é especialista em arquitetura com vidros e conta com profissionais capazes entender sua necessidade e indicar onde colocar o espelho na sala para aproveitar os máximos de benefícios que o elemento pode oferecer. Acesse nosso site, conheça nossos serviços e/ou solicite um orçamento. Por aqui seus sonhos viram realidade.

FAQ – Perguntas e Respostas

Onde posso usar espelhos?

Os espelhos podem ser usados sempre que o usuário deseja alcançar benefícios como: valorização estética, aperfeiçoamento da iluminação, ampliação visual do ambiente. Por isso o espelho pode ser usado em revestimento de móveis, paredes, portas de armários, em fragmentos para decoração, etc.

Pode colocar espelho em frente à TV?

Alguns profissionais do segmento evitam instalar espelhos em frente à TV para não causar confusão visual. Da mesma forma, não indicam colocar o espelho na parede da TV para não tirar a atenção de quem assiste. Na dúvida, consulte um profissional.

Como escolher a parede para colocar espelhos?

Envolva paredes inteiras com espelho se a intenção é trazer amplitude visual ao local. Também é possível instalar um espelho na parede contrária à uma porta ou janela para trazer um cenário exterior para dentro do ambiente. Evite paredes que refletirão ambientes desorganizados.  
"
O mercado vidreiro no Brasil é desorganizado, isso contribui para que o vidro não esteja na evidência merecida. Um dos motivos da nossa fusão anos atrás foi para isso, estrategicamente unimos o know-how de consultoria, projetos e execução, podendo de fato atender em escala as altas exigências de incorporadoras alto padrão e arquitetos
"

Daniel Estrela

CEO da SEV Exclusivv.

O que é a folha de uma esquadria?

A folha de uma esquadria é a superfície principal da estrutura. Quando uma esquadria se abre em duas abas, por exemplo, significa que possuímos duas folhas. A folha da esquadria pode oferecer abertura interna e externa para facilitar a limpeza e aprimorar fatores como estanqueidade do local. Destacamos que a esquadria pode ser formada por diversas folhas que podem ser móveis, fixas, envidraçadas ou não, com ou sem ventilação. Veja com mais detalhes o que é a folha de uma esquadria no texto a seguir.

O que é uma esquadria?

Para entender o que á folha de uma esquadria precisamos compreender, primeiramente, o que é e como funciona uma esquadria. Tecnicamente, as esquadrias são as armações que possibilitam o fechamento de vãos diversos, dando vida a estruturas como portas e janelas, por exemplo. Tecnicamente, é uma estrutura de vedação vertical empregado para fechar aberturas e permitir o controle de passagens de agentes diversos – como poeira, intempéries, pessoas, etc.

Para possibilitar esse controle de agentes é preciso recorrer aos caixilhos, que são elementos fixos ou móveis onde serão acomodados materiais como vidro, madeira, persianas ou outro tipo de chapa para fechar o vão – e então o grupo passa a ser denominado de folha. Para tentar resumir o que é a folha de uma esquadria, trata-se do conjunto formado pelas chapas e caixilhos que se encaixam no marco (uma das partes que compõe a esquadria) para fechar vãos diversos.

O que é folha da esquadria

Dando continuidade ao nosso artigo sobre o que a folha de uma esquadria, destacamos que é muito importante que a escolha da quantidade de folhas da esquadria seja realizado de modo consciente. Isso acontece porque a folha da esquadria determina, por exemplo, o modo de abertura da estrutura (geralmente através de movimentos de translação, rotação ou combinados). Veja alguns exemplos populares que ajudarão a compreender o que é a folha de uma esquadria:

- Janela veneziana: Popular, as venezianas costumam ser compostas por 06 folhas variando entre móveis e fixas. As folhas da parte interna costumam ser preenchidas com vidro para permitir a entrada de luz natural.

- Janela Guilhotina: Mais presente em edificações antigas, uma característica da janela guilhotina é possuir folhas que deslizam verticalmente, uma sobre a outra. Apesar de estar em desuso, esse modelo permite melhor controle de ventilação quando comparado com janelas de abrir ou correr.

- Portas sanfonadas: Outro exemplo clássico que auxilia a entender o que é a folha de uma esquadria, a porta sanfonada – ou porta camarão - pode ter inúmeras folhas, que se dobram e acomodam entre si para permitir abertura quase total do vão.

Quando for o caso, a colocação de vidros nas folhas deve ser realizado por profissionais experientes. Isso acontece porque esses profissionais observarão fatores como a necessidade de folgas para evitar concentração de tensões, adequação da esquadria às normas da ABNT, instalação adequada para garantir estanqueidade, segurança, durabilidade, etc. Esperamos que tenha entendido o que é a folha de uma esquadria e, em caso de dúvidas, mantenha contato com um colaborador da SEV Exclusivv!

FAQ – Perguntas e Respostas

Como as esquadrias podem ser classificadas quanto a sua função?

A esquadria é classificada quanto a sua função quanto nos referimos a uma determinada estrutura considerando a sua funcionalidade/aplicação, como é o caso, por exemplo, das portas, janelas, alçapões, cobogós, grades, portões, etc.

Quais os elementos que constituem uma esquadria?

Os elementos que constituem uma esquadria são o contramarco - que prepara o local para receber a esquadria; o marco, que se trata da estrutura externa onde será acomodada a folha da esquadria/caixilho; e o próprio caixilho/folha, que fica responsável por fechar o vão.

Quais são as partes constituintes das esquadrias janelas e portas?

As partes que constituem as esquadrias de portas e janelas são o contramarco, marco e o caixilho (folha da esquadria). De maneira resumida, a folha e o caixilho formam um conjunto que será acomodado no marco; e o contramarco vai chumbado no contorno do vão.

   
"
O mercado vidreiro no Brasil é desorganizado, isso contribui para que o vidro não esteja na evidência merecida. Um dos motivos da nossa fusão anos atrás foi para isso, estrategicamente unimos o know-how de consultoria, projetos e execução, podendo de fato atender em escala as altas exigências de incorporadoras alto padrão e arquitetos
"

Daniel Estrela

CEO da SEV Exclusivv.

O que significa esquadria na construção civil?

Na construção civil esquadria é o elemento que possibilita o fechamento de vãos diversos. É importante saber o que significa esquadria na construção civil, pois são estruturas que dão vida a aplicações essenciais para uma edificação, como portas, janelas, persianas, divisórias, dentre outros. Considerando a sua finalidade, a esquadria é um dos principais elementos na construção civil e agrega benefícios relacionados à estética, funcionalidade, bloqueio de intrusos e intempéries, bem estar, conforto e segurança dos usuários.

O que é esquadrias em uma obra?

A esquadria interage diretamente com a entrada e controle de pessoas, iluminação, ventilação natural e troca de calor de um ambiente. Além disso, a estrutura deve garantir estanqueidade e, quando especificada corretamente, reduz ruídos, embeleza, valoriza o imóvel, etc. Sendo assim, é de extrema importância contratar os serviços de empresas que sabem o que significa esquadria na construção civil, pois dessa forma podemos aproveitar todos os benefícios que a estrutura pode oferecer.

Quais são os tipos de esquadrias existentes?

Na construção civil é possível classificar os tipos de esquadrias em duas categorias, ou seja, pelo material de fabricação e modo de abertura. Dessa forma, existe uma infinidade de tipos esquadrias disponíveis no mercado, com características estéticas e/ou funcionais que se adequam facilmente aos variados projetos arquitetônicos. Abaixo listaremos quais são os tipos de esquadrias mais procuradas no mercado, separadas pelo modo de abertura:

- Esquadria de abrir

- Esquadria de correr

- Esquadria basculante

- Esquadria Maxim-ar

- Esquadria Guilhotina

- Esquadria Camarão

Dando continuidade ao nosso artigo sobre o que significa esquadria na construção civil, abaixo segue uma lista com os principais tipos de esquadria disponíveis no mercado, agora categorizadas pelo material de fabricação:

- Esquadria de alumínio

- Esquadria de PVC

- Esquadria de madeira

- Esquadria de Ferro

- Esquadria de vidro

Lembramos ainda que a lista acima é referente aos modelos de esquadrias mais tradicionais do mercado, entretanto, é possível encontrar esquadrias fabricadas de materiais diversos, como a esquadria de concreto. É importante contar com consultoria de profissionais que sabem o que significa esquadria na construção civil, pois estes podem indicar o melhor tipo de esquadria para o seu projeto. É possível harmonizar as duas categorias para criar estruturas que melhor se adequem às necessidades dos usuários.

Outro fato merecedor de atenção é que o mercado oferece modelos prontos para a instalação ou esquadrias personalizadas, fabricadas sob medida para projetos especiais. Por fim, frisamos que a instalação da esquadria é uma das etapas mais caras de uma obra, ultrapassando 15% do valor total de uma edificação de alto padrão; e por esse motivo de ser realizada de maneira cirúrgica para oferecer todos os benefícios possíveis.

Esquadrias na construção civil

Na SEV Exclusivv você encontra profissionais altamente qualificados e consultoria especializada que sabe o que significa esquadria na construção civil e todos os seus benefícios. Nos comprometemos em entregar o máximo de nossa estrutura e manter toda a sua obra dentro das normas da ABNT. Acesse nosso site e conheça um pouco mais sobre nossos serviços de arquitetura com vidros.
"
O mercado vidreiro no Brasil é desorganizado, isso contribui para que o vidro não esteja na evidência merecida. Um dos motivos da nossa fusão anos atrás foi para isso, estrategicamente unimos o know-how de consultoria, projetos e execução, podendo de fato atender em escala as altas exigências de incorporadoras alto padrão e arquitetos
"

Daniel Estrela

CEO da SEV Exclusivv.

Geralmente, a espessura do vidro para cobertura de pergolado varia entre 08mm e 10mm, porém, isso não é uma regra, pois quanto maior o vão a ser fechado, maior terá que ser a espessura da placa de vidro. Por esse motivo a principal indicação é procurar por orçamentos de empresas especialistas no assunto, que farão os cálculos e considerações necessárias a fim de descobrir qual a melhor alternativa para seu projeto.

Além de determinar qual a espessura do vidro para cobertura de pergolado, profissionais especializados também são capazes de determinar qual o melhor tipo de vidro para pergolado, tendo em vista que podemos atribuir diversas tecnologias aos vidros habilitados a participar dessa aplicação. É possível, por exemplo, optar por vidros especiais com controle solar e acústico, vidros coloridos, vidro refletivos, vidro autolimpante, a escolha por um ou outro modelo só dependerá das vontades dos usuários. Ainda durante a análise de qual a espessura do vidro para cobertura de pergolado, um profissional qualificado consegue identificar necessidades e harmonizá-las com as normas regulamentadoras e desejos dos usuários. Lembramos ainda que a instalação de vidros em cobertura de pergolado é definida pela ABNT, sendo de extrema importância que a equipe instaladora mantenha toda a obra dentro das diretrizes para garantir o máximo de estanqueidade, funcionalidade, estética e segurança que a estrutura pode oferecer.

Saiba mais sobre cobertura para pergolado de vidro 

Para identificar qual a espessura do vidro para cobertura de pergolado, a estrutura deve ser projetada, especificada e instalada com precisão cirúrgica. Isso envolve muito estudo e cálculos para que o pergolado ofereça a funcionalidade esperada juntamente com outras vantagens que somente o vidro pode agregar. Afinal de contas, ninguém quer uma cobertura de vidro para pergolado com desconforto térmico, goteiras e vazamentos que comprometeriam toda a aplicação.

Por esse e outros motivos é preciso recorrer a empresas sérias que sabem qual a espessura do vidro para cobertura de pergolado. Esses profissionais consideram diversos aspectos, como o material do sistema de fixação que será utilizado e as possibilidades de beneficiamento dos vidros. Por exemplo, se não considerar todos os fatores, em pergolados de madeira existe uma grande chance de aparecer problemas de estanqueidade, já que a rigidez do vidro não acompanha os movimentos naturais da madeira com o passar dos anos, surgindo pequenas frestas que deixam a água passar.

Finalizando nosso artigo sobre qual a espessura do vidro para cobertura de pergolado, reforçamos que é possível atribuir tecnologias para ampliar as funcionalidades e trazer conforto aos ambientes, como é o caso dos vidros autolimpantes e/ou vidros de controle solar. O vidro autolimpante, como o nome indica, possui a capacidade de se limpar sozinho através dos raios de sol e água; já os vidros de controle solar são equipados com tecnologia que barra grande parte do calor do sol, proporcionando bem estar aos usuários.

FAQ – Perguntas e Respostas 

Qual o melhor vidro para cobertura de pergolado? 

Devido às suas características singulares, o laminado é o melhor vidro para cobertura de pergolado. Isso acontece porque o vidro laminado é mais resistente e possui a capacidade de manter os fragmentos de vidro suspensos a si depois de quebrado, preservando o vão do pergolado fechado até manutenção.

Qual a espessura ideal para cobertura de vidro? 

A espessura do vidro para cobertura dependerá da dimensão do vão que será fechado. Geralmente, essa espessura varia entre 08mm e 12mm, entretanto, reforçamos que quanto maior o vão, maior terá que ser a espessura do vidro. Consulte um profissional da área.

Qual vidro ideal para claraboia? 

O vidro ideal para claraboia é o laminado. Isso acontece porque esse modelo de vidro é equipado com uma película de PVB ou EVA, que fica responsável por preservar os fragmentos de vidro suspensos na estrutura e manter o vão da claraboia intransponível até a manutenção.
"
O mercado vidreiro no Brasil é desorganizado, isso contribui para que o vidro não esteja na evidência merecida. Um dos motivos da nossa fusão anos atrás foi para isso, estrategicamente unimos o know-how de consultoria, projetos e execução, podendo de fato atender em escala as altas exigências de incorporadoras alto padrão e arquitetos
"

Daniel Estrela

CEO da SEV Exclusivv.

Quais os tipos de box para banheiro?

A escolha do tipo de box para banheiro deve considerar fatores como segurança, organização do ambiente, melhor aproveitamento do espaço, harmonia estética, dentre outros. Para suprir essas necessidades o mercado oferece diversos modelos de box para banheiro, como o box de correr, box de abrir, box articulado, box elegance, etc. A melhor alternativa consiste em consultar profissionais que conheçam quais os tipos de box para banheiro para alinhar a sua necessidade aos modelos disponíveis no mercado.

Modelos de box para banheiro

Veja essa lista que SEV Exclusivv preparou e saiba quais os tipos de box para banheiro mais populares do mercado:

- Box de correr: também chamado de box padrão, é o tipo de box para banheiro pequeno perfeito, pois a porta do box se move lateralmente, dispensando a necessidade de espaço (ângulo) de abertura.

- Box de abrir: indicado para banheiros com mais espaço, pois sua abertura e fechamento ocorre semelhante à de uma porta tradicional.

- Box articulado: abertura e fechamento através de articulações - semelhante a porta camarão/ sanfonada - ou seja, as folhas do box se agrupam e oferecem abertura quase total do vão.

- Box Elegance: dando sequência à nossa lista sobre quais os tipos de box para banheiro, o box elegance é ideal para quem deseja inovar, pois possui roldanas aparentes e traços únicos capazes de agradar até o mais exigente dos usuários.

- Box curvo: alternativa para inovador em banheiros pequenos e projetos especiais. A forma curva do vidro impressiona ao trazer sensação de movimento à estrutura.

- Box de canto: Outro modelo indicado para espaços limitados, o box de canto promove melhor aproveitamento da área útil e por isso participa da nossa lista sobre quais os tipos de box para banheiro mais populares .

- Box do piso ao teto: Esse modelo impede que o vapor do banho escape, proporcionando banhos extremamente relaxantes e dificultando a deformação de móveis, manchas no espelhos e outros.

Lembramos que, além dos diferentes modelos de box para banheiro oferecidos pela indústria, os vidros também aceitam diversos tipos de personalizações, como em suas cores e aparências, cenário que permite a composição de box de vidro jateado, box com vidros coloridos para harmonizar com a decoração, etc. Lembramos ainda que o vidro se sobressai sobre outros tipos de material para box de banheiro – como o acrílico – pois oferece melhor custo x benefício.

E para finalizar nosso artigo sobre quais os tipos de box para banheiro, é importante destacar que esse tipo de aplicação exige o uso de vidros de segurança em sua composição (vidro laminado e temperado). Adaptar o box às normas regulamentadoras garante uma estrutura altamente funcional, duradoura, esteticamente alinhada e, principalmente, com segurança apropriada para todos os usuários; por isso exija que a instalação do box seja feita em conformidade com as normas da ABNT!

FAQ – Perguntas e Respostas

Qual é o melhor tipo de box para banheiro?

O melhor tipo de box para banheiro deve ser fabricado com vidros de segurança conforme indicado pela ABNT NBR 14207. Além disso, o mercado oferece diferentes tipos de box de banheiro (layout) capazes de suprir diversas necessidades dos usuários. A alternativa ideal é consultar um profissional do segmento.

Quais os tipos de box?

Dentre os tipos de box mais populares no mercado podemos destacar o box de correr, box de abrir, box articulado, box elegance, box curvo, box do piso ao teto, box de canto, dentre outros. Para definir o melhor tipo considere fatores como segurança, organização, estética, área útil, etc.

Qual tipo de box é mais barato?

Devido a sua composição e tempo de vida útil limitado, o box de acrílico (plástico) é o tipo de box mais barato disponível no mercado. Como alternativa e com melhor custo x benefício podemos destacar o box de vidro - que oferece maior segurança, resistência, durabilidade e variedade estética.
"
O mercado vidreiro no Brasil é desorganizado, isso contribui para que o vidro não esteja na evidência merecida. Um dos motivos da nossa fusão anos atrás foi para isso, estrategicamente unimos o know-how de consultoria, projetos e execução, podendo de fato atender em escala as altas exigências de incorporadoras alto padrão e arquitetos
"

Daniel Estrela

CEO da SEV Exclusivv.

Qual melhor espelho para sala?

Para determinar o melhor é preciso ponderar as necessidades dos usuários. O espelho pode, por exemplo, trazer amplitude visual e interagir com a iluminação dos ambientes (inclusive luz excessiva). Também podem agregar ambientes internos e externos ou imprimir decorações singulares. Para isso o mercado oferece espelhos prata, bronze, fumê, espelhos decorativos, espelhos redondos, espelho para sala de jantar, espelhos com moldura, etc.

Uma dica interessante para usar espelho na sala consiste em aproveitar o elemento em conjunto de aparadores, tampos de mesas, revestimento de móveis e/ou paredes. O tamanho dos espelhos dependerão da finalidade de uso e dimensão do ambiente. Se você possui grandes dúvidas sobre qual melhor espelho para sala, a alternativa mais viável é procurar consultoria especializada no assunto para usufruir do máximo de benefícios que o elemento pode oferecer.

Qual tipo de espelho colocar na sala?

O tipo ideal de espelho, como vimos, dependerá das necessidades dos ambientes e anseios dos usuários. Para isso, comentaremos abaixo sobre os principais tipos de espelhos oferecidos no mercado para que o usuário perceba, através de suas características, qual espelho usar na sala.

Espelho prata

Dando início a nossa lista, os espelhos prata são os modelos mais populares do mercado. Com esse tipo de espelho a sala de estar ou de jantar ganha benefícios difíceis de serem alcançados com outros elementos, como oferta de amplitude visual e possibilidade de manipular focos de luz. Portanto, se sua sala é pequena ou você precisa iluminar locais onde a luz não chega naturalmente, conheça mais sobre o espelho prata.

Espelho bronze

Os espelhos bronze se destacam por sua aparência singular. Com tonalidade pendente para o marrom, o espelho bronze possibilita a criação de decorações distintas e, por esse motivo, é muito requisitado para projetos especiais. Devido a sua tonalidade mais escura, o modelo é alternativa para decorar ambientes com luz excessiva.

Espelho fumê

O espelho fumê é outro modelo que pode participar de decorações especiais e por isso precisa participar da nossa lista sobre qual melhor espelho para sala. Esse modelo possui tonalidade acinzentada, cenário que imprime estética distinta e tornam os espelhos capazes de atribuir uma assinatura única aos projetos – e aos idealizadores. O espelho fumê também pode ser alternativa para salas com excesso de iluminação.

Espelho com moldura

As molduras atribuem singularidades aos espelhos e conseguem, por exemplo, fazer com que esse elemento se torne o destaque decorativo do ambiente. O mercado oferece molduras para espelhos de diferentes padrões e materiais variados, cenário que possibilita que o espelho emoldurado participe das mais distintas decorações, sempre agregando valorização. Experimente instalar um espelho com moldura na parede posterior ao buffet e veja a magia acontecer.

Espelho bisotado

O espelho bisotado participa da nossa lista sobre qual melhor espelho para sala devido à sua capacidade de imprimir personalidade à sala de estar ou de jantar. Isso acontece porque o acabamento bisotado reproduz uma angulação singular às bordas do vidro e traz traços de leveza, delicadeza e muita inovação à decoração. Lembramos que é possível combinar algumas qualidades da lista acima. Destacamos ainda que, caso suas dúvidas não tenham sido sanadas, mantenha contato com nossa equipe de especialistas. Possuímos experiência e sabedoria para estudar seu ambiente antes de definir qual melhor para utilizar no seu projeto. Acesse nosso site e conheça os serviços da SEV Exclusivv.
"
O mercado vidreiro no Brasil é desorganizado, isso contribui para que o vidro não esteja na evidência merecida. Um dos motivos da nossa fusão anos atrás foi para isso, estrategicamente unimos o know-how de consultoria, projetos e execução, podendo de fato atender em escala as altas exigências de incorporadoras alto padrão e arquitetos
"

Daniel Estrela

CEO da SEV Exclusivv.

O que preciso saber sobre esquadrias?

As esquadrias são estruturas fundamentais em qualquer edificação, pois interage com fatores como segurança, estética, conforto, melhor aproveitamento da luz e ventilação natural, etc. O mercado arquitetônico tem à sua disposição diversos tipos de esquadrias com características diferentes. Mas com tantas opções, você sabe por onde começar? ‘O que preciso saber sobre esquadrias’ o tema do nosso artigo de hoje, onde abordaremos as características de alguns dos principais modelos de esquadrias oferecidos no mercado.

O que é esquadria?

Tecnicamente, esquadria é o nome da estrutura que possibilita a criação de vãos como portas, janelas, portões, venezianas. Considerando sua função principal, as esquadrias possuem status de elemento arquitetônico indispensável na maioria das edificações. Entretanto, como já comentado, as estruturas possuem responsabilidades mais amplas que a criação de portas, janelas e etc.

Com a esquadria (na forma de portas e janelas) o usuário consegue ter o controle de iluminação e ventilação natural, entrada de intrusos, proteção contra intempéries, segurança e proteção dos usuários, conforto dos ambientes e estética decorativa. Para isso o mercado oferece diversos tipos de esquadrias, que podem ser listadas em duas categorias: Modo de abertura e materiais utilizados na fabricação das esquadrias.

Conheça os principais tipos de esquadrias

Dando continuidade ao nosso artigo sobre o que preciso saber sobre esquadrias, vamos conhecer os principais modelos de esquadrias disponíveis no mercado. Conforme comentado acima, dividiremos essa lista em duas categorias.

Tipos de esquadrias – Função e Modo de abertura

- Esquadrias de correr: Alternativas para portas e janelas e outros fechamentos de vãos de ambientes pequenos, pois a folha desliza no sentido horizontal.

- Esquadrias de abrir: Com apenas uma folha que se movimenta através de dobradiças, a esquadria de abrir é um dos modelos mais populares, utilizados principalmente em portas e janelas.

- Esquadrias Maxim-ar: Essa estrutura oferece abertura próxima de noventa graus, cenário que garante ótima circulação de ar. São indicadas para banheiro, lavanderia, cozinhas, etc.

- Esquadrias basculante: A esquadria basculante é alternativa para fechar grandes vãos como portões de garagens ou depósitos. A abertura dessa estrutura é semelhante à uma gangorra.

Tipos de esquadrias – material de fabricação

Ainda respondendo à pergunta ‘o que preciso saber sobre esquadrias?’, os modelos de esquadrias ainda podem ser definidos pelo tipo de fabricação, como é o caso das esquadrias de:

- Alumínio

- PVC

- Madeira

- Vidro

- Metal

Além disso, nesta lista sobre o que preciso saber sobre esquadrias, ao definir o modelo a ser utilizado é preciso considerar fatores como:

- Posicionamento para melhor captação de luz e ventilação

- Finalidade da aplicação (conforto acústico, privacidade, proteção patrimonial, etc)

- Qualidade dos materiais utilizados

- Especialização da equipe responsável pelo projeto

- Periodicidade de manutenção

- Fatores ambientais

- Normatização da ABNT.

Para finalizar nossa lista de ‘o que preciso saber sobre esquadrias’, é de extrema importância que todo o projeto esteja em conformidade com a ABNT, pois isso garante segurança e qualidade nas aplicações. A NBR 10821 cria diretrizes para toda a produção de esquadrias; além disso, a NBR 7199 dita parâmetros para a utilização de vidros na arquitetura. Fique atento e exija que as esquadrias e sua instalação estejam dentro das normas regulamentadoras.

FAQ – Perguntas e respostas

 

Quais os materiais mais utilizados na fabricação de esquadrias?

Os materiais mais utilizados na fabricação de esquadrias são o alumínio, PVC, madeira, metal e ferro. Entretanto, é possível encontrar esquadrias fabricadas de materiais inesperados, como a esquadria de vidro. Cada material de fabricação pode agregar uma característica singular a aplicação.

Quanto a sua função quais os tipos de esquadrias existentes?

Veja uma lista com os principais tipos de esquadrias existentes, separadas quanto a sua função/modo de abertura:

- De abrir

- Basculante

- De correr

- Maxim Ar

- Sanfonada (camarão)
"
O mercado vidreiro no Brasil é desorganizado, isso contribui para que o vidro não esteja na evidência merecida. Um dos motivos da nossa fusão anos atrás foi para isso, estrategicamente unimos o know-how de consultoria, projetos e execução, podendo de fato atender em escala as altas exigências de incorporadoras alto padrão e arquitetos
"

Daniel Estrela

CEO da SEV Exclusivv.

O que é esquadria de alumínio?

A esquadria de alumínio é indicada para a projeção de portas, janelas, venezianas, portões, divisões internas e fechamento de vãos diversos. São populares por serem fabricadas de um material versátil e duradouro, o que transforma a esquadria em alumínio em um produto de ótimo custo x benefício. Devido a popularidade, é fabricada em diversos modelos, tamanhos e modos de abertura. Acompanhe mais esse artigo com tudo que você precisa saber sobre esquadrias de alumínio.

Esquadrias de alumínio

Quando compreendemos o que é, percebemos porque o modelo é escolha corriqueira para estruturação de portas, janelas, box de banheiro e outros fechamentos de vãos – inclusive para edificações em regiões litorâneas. A preferência por esse tipo de esquadria está relacionada ao material de fabricação, tendo em vista que o alumínio oferece ótimo desempenho em quesitos como:

 

- Durabilidade

 

- Resistência (inclusive ferrugem e corrosão)

 

- Versatilidade

 

- Estética

 

- Isolamento acústico

 

- Baixo custo de manutenção

 

- Valorização do imóvel

 

Como já comentado, a ampla aceitação do modelo exigiu a criação de diversos tipos de esquadrias. Considerando as variações, é de suma importância contar com consultoria especializada no ramo. Profissionais qualificados sabem o que é esquadria de alumínio e são capazes de especificar corretamente os tamanhos e espessuras da peça, garantindo assim o máximo de aproveitamento de suas funções e contribuição estética.

Tipos de esquadrias de alumínio

Os diversos modelos de alumínio representam aproximadamente 20% de toda a produção feita no país, segundo a Afeal - Associação Nacional de Fabricantes de Esquadrias de Alumínio, que agrega mais de 200 fabricantes. Abaixo destacaremos alguns dos principais tipos de esquadrias de alumínio oferecidos pelo mercado:

 

- Esquadria de alumínio branca

 

- Esquadria de alumínio preto

 

- Esquadria de alumínio colorido

 

- Esquadrias de correr

 

- Esquadrias de abrir

 

- Esquadrias basculante

 

- Esquadria Maxim-ar

 

Lembramos que, dessa lista sobre o que é esquadria de alumínio, é possível combinar as características estéticas com os modos de abertura. Destacamos também que existem outros tipos de esquadrias oferecidas no mercado, inclusive modelos com medidas personalizadas para satisfazer projetos especiais. Em caso de dúvidas, mantenha contato com um colaborador da SEV Exclusivv.

Fique atento às normas da ABNT

Dando continuidade ao nosso artigo sobre o que é esquadria de alumínio, vale lembrar que, além da fabricação da estrutura estar condicionada às normas da ABNT (NBR 10821), a equipe responsável precisará adequar o projeto às outras normas, conforme a finalidade da estrutura. Ao todo, existe uma coleção de 28 normas que precisam ser estudadas para a instalação da esquadria em alumínio.

 

Lembramos também que a SEV Exclusivv é especialista em arquitetura com vidros e toda a cadeia produtiva que envolve o universo. Sabemos tudo sobre esquadrias e estamos preparados para tirar o seu sonho do papel, sempre adotando as melhores práticas e nos comprometendo a manter todo o projeto dentro das normas regulamentadoras. Acesse nosso site e conheça nosso trabalho!

FAQ – Perguntas e Respostas

Porque esquadrias de alumínio?

Devido ao material de fabricação, as esquadrias de alumínio possuem ótimo custo x benefício. O modelo oferece benefícios como versatilidade, baixa manutenção, durabilidade, resistência, funcionalidade, isolamento acústico, modelos variados, estética elevada e valorização do imóvel. Não é por acaso que a esquadria de alumínio é popular na arquitetura e construção civil.

Qual a diferença entre esquadrias de alumínio?

As esquadrias de alumínio se diferenciam em seus tamanhos, configurações e modos de abertura. A esquadria de alumínio agrega benefícios singulares e difíceis de serem encontradas em outros materiais, como versatilidade elevada, durabilidade, resistência a ferrugem e corrosão, estética, etc.

     
"
O mercado vidreiro no Brasil é desorganizado, isso contribui para que o vidro não esteja na evidência merecida. Um dos motivos da nossa fusão anos atrás foi para isso, estrategicamente unimos o know-how de consultoria, projetos e execução, podendo de fato atender em escala as altas exigências de incorporadoras alto padrão e arquitetos
"

Daniel Estrela

CEO da SEV Exclusivv.